Porque, mano, é nóis, tá ligado? - Parabéns São Paulo!


Essa é uma postagem que foge um pouco do estilo do blog, mas que merece a mesma atenção e carinho. Hoje é o 461º aniversário de São Paulo, uma cidade que eu amo e que adotei como minha. É como dizem, quando você vai para São Paulo, não quer sair de lá nunca mais!



Parabéns, São Paulo!












Paulistano que é paulistano que é paulistano sabe que vai encarar fila pelo menos uma vez ao dia. E que vai se estressar mesmo sabendo que não adianta, porque paulistano está sempre com pressa.
Felicidade é dirigir 100 metros sem parar e chegar em casa com água para tomar banho. Se preparar para encarar uma enchente mesmo quando parece que não vai chover e comprar um guarda-chuva na porta do metrô porque esqueceu o seu.

Ser paulistano é sair de casa com casaco e saber que vai sair agasalhado de manhã, tirar tudo duas horas depois e congelar à noite. É fazer hora no trabalho para pegar menos trânsito até chegar em casa. Ser ninja ao entrar no trem ou metrô, não importa a lotação. É escolher estrategicamente a porta do metrô para pegar a escada mais próxima. É comemorar toda vez que a 23 de Maio está vazia, ou vibrar que a Av. Paulista fica uma delícia de fim de semana.

É achar que o bom da Vila Madalena é que tem vários barzinhos e é perto de tudo. É ir na 25 de Março toda véspera de Natal. É ficar preocupado com o saldo do bilhete único até que... ele passe. É perder o ponto do ônibus porque não conseguiu chegar até a porta de tão lotado. É reclamar da Praia Grande e sempre acabar indo para lá. É pedir nota fiscal paulista a cada compra. É achar que não tem sotaque. É paleta mexicana. É food truck. É bolacha, não biscoito. É bexiga, não balão. É farol, não semáforo. É geladinho, não sacolé. É mano. É mina. É tipo assim. É nóis, tá ligado?

E com tudo isso, não abandona São Paulo por nenhuma outra cidade.

São Paulo, parabéns pelos 461 anos, meu!






Matéria original aqui!
Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger